Nuno Borges: “Lutei com muita força e tentei jogar o mais simples possível”

LISBOA – Foi precisa muita garra para Nuno Borges sair vitorioso do court 4 do São João Ténis Clube no seu encontro referente à meia-final. Protagonista de um dos melhores encontros do torneio, o tenista luso mostrou-se satisfeito com o acesso à sua primeira final individual da carreira em torneios Future.

“Não tenho muitas palavras para dizer, estou muito feliz por ter dado tudo o que tinha”, disse. “Há dias em que nem tudo vai sair bem e hoje as condições estavam um pouco mais complicadas e acho que foi derivado a isso [que falhei mais], pois sinto-me bem fisicamente”, explicou o jovem 20 anos que teve de passar 2h46 em court para garantir o apuramento.

A perder a 5-3 no terceiro parcial, o tenista natural da Maia precisou de lutar muito para dar a volta às adversidades, e foi essa mesma capacidade de luta que o português considera ter sido a chave para a vitória.

“Lutei com muita força e tentei jogar o mais simples possível. Acabou por resultar. Sabia que se continuasse com o pé a fundo ele acabaria por ceder”, afirmou.

Francisco Semedo
Licenciado em Turismo e a tirar Mestrado em Ciências da Comunicação, desde cedo se interessou pelo ténis. Começou aos 9 e desde então tem um olhar atento e constante de tudo o que se passa naquela que considera ser a melhor modalidade a todos os níveis.