Jo-Wilfried Tsonga regressa ao top 10; dois portugueses com máximos de carreira

A reentrada de Jo-Wilfried Tsonga, que esta segunda-feira já venceu o seu compromisso de estreia no torneio de Queen’s ao derrotar o seu compatriota Adrian Mannarino (6-2 e 6-2), é a única novidade na atualização do top 10 do ranking ATP desta semana.

O tenista francês de 32 anos, que tem como melhor registo individual o 5.º posto alcançado em fevereiro de 2012, fecha o lote dos 10 primeiros classificados da hierarquia, por troca com o alemão Alexander Zverev, que desceu duas posições.

No top 100, destaque para o israelita Dudi Sela, que com o troféu conquistado ontem em Nottingham (o 22.º título Challenger da carreira) subiu 17 posições, fixando-se no 81.º posto. Nota também para o italiano Alessandro Giannessi, finalista do torneio de Caltanissetta, que surge no top 100 pela primeira vez na carreira (99.º), fruto de uma subida de 19 lugares.

Portugueses:

João Sousa subiu três posições na hierarquia mundial, ocupando esta semana o 57.º posto, e Gastão Elias escalou uma (110.º). Mas o grande destaque desta semana vai naturalmente para os máximos de carreira de Pedro Sousa (152.º) e Gonçalo Oliveira (294.º), e ainda para a subida de 39 “degraus” de Frederico Silva, que é agora o 339.º classificado da lista ATP. Consulte aqui o ranking de todos os tenistas portugueses.

João Correia
Licenciado em Sociologia e Mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação (ISCTE). Privilegiado por viver numa das melhores eras da história da modalidade.