Rafael Nadal: “É difícil falar, a única coisa que consigo dizer é obrigado”

13 épocas, 10 troféus de campeão para Rafael Nadal em Roland Garros. Por estas razões, o tenista espanhol apresentou-se naturalmente emocionado na cerimónia de entrega do troféu, tendo até dificuldades em esboçar as primeiras palavras.

“Jogar neste court, em frente a todos vocês, e sentir o vosso apoio, das pessoas de que gosto mais do que todas é muito, muito especial. É difícil falar hoje, a única coisa que consigo dizer é obrigado”, disse o maiorquino praticamente em lágrimas antes de levantar a Taça dos Mosqueteiros pela 10.ª vez.

A 10.ª vitória de Nadal em Roland Garros foi, também, a última vez que o espanhol viajou para Paris na companhia de Toni Nadal, e por isso mesmo o decacampeão do torneio dirigiu poucas mas importantes palavras ao seu tio e treinador: “Sem ele não seria possível eu ter ganho 10 troféus neste torneio.”

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tiebreak. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegou o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."