Marcos Freitas é o único resistente luso no mundial de ténis de mesa

0

Ao segundo dia de quadros principais no mundial de ténis de mesa, Portugal viu reduzidos os seus representantes de três para um, após Marcos Freitas (16.º) ter garantido um lugar na terceira ronda e João Monteiro e João Geraldo terem sido eliminados.

O número um nacional foi o primeiro a ir a jogo e não teve qualquer problema para afastar Noma Alamian (76.º), derrotando o iraniano por 4-0 com os parciais de 11-6, 11-5, 11-9 e 11-6, tendo agora pela frente o francês Tristan Flore (87.º) contra quem lutará por um lugar nos oitavos de final.

Menos sorte tiveram João Monteiro (49.º) e João Geraldo (78.º). O mais cotado dos portugueses acabou derrotado em 7 sets pelo número 28 mundial, Yuto Muramatsu, ao passo que Geraldo perdeu por 4-1 para o alemão Ruwen Filus (32.º).

Comentários

Comentários