Marcos Freitas, João Monteiro e João Geraldes seguem para a 2.ª ronda do mundial de ténis de mesa

0

Foi com três triunfos e três desaires nos quadros principais quer de singulares masculinos quer de femininos que os jogadores portugueses deram início às respetivas campanhas pela grelha principal do mundial de ténis de mesa.

O dia em Dusseldorf até começou da melhor forma para os mesa-tenistas portugueses, com Marcos Freitas (16.º) a dar início à campanha portuguesa no quadro principal masculino com um triunfo sobre o grego Konstantinos Papageorgiou (135.º) por 4-1 (11-2, 11-6, 11-6, 9-11, 11-6),

De seguida foi a vez do número três nacional João Monteiro (49.º) se impor perante o polaco Daniel Gorak (91.º) por 4-2 (12-14, 11-8, 11-7, 9-11, 11-2, 14-12). Quanto ao último triunfo do dia para as cores nacionais surgiu após um equilibrado encontro resolvido em 7 sets, que permitiu a João Geraldo (78.º) seguir em frente em solo alemão, após bater o espanhol Alvaro Robles (88.º) por 4-3 (12-10, 11-7, 11-4, 5-11, 6-11, 6-11 e 13-11).

Em sentido inverso seguiram Tiago Apolónia (19.º), que acabou eliminado pelo bem menos cotado NG Pak Nam (185.º) por 4-3 e os dois mesas-tenistas vindos da fase de qualificação, Diogo Carvalho (306.º), que cedeu por 4-2 frente ao número 32 mundial, Ruwen Filus e Leila Oliveira (derrotada por 4-0 perante Adriana Diaz)

 

Comentários

Comentários