Garbiñe Muguruza não ganhou para o susto

0

Quando foi sorteado o quadro feminino da 116.ª edição de Roland Garros, Garbiñe Muguruza deve ter torcido o nariz quando deu conta que Anett Kontaveit estava na sua secção do quadro. É que a tenista da Estónia derrotara a espanhola há pouco mais de um mês, em três partidas, nos oitavos de final do torneio de Estugarda, e esta quarta-feira voltou a fazer a cabeça em água à campeã em título de Roland Garros.

Depois de vencer a primeira partida no tie-break, Kontaveit (53.ª) chegou a liderar o segundo set por 3-1, altura em que Muguruza começou a “virar” o ascendente para o seu lado. A tenista espanhola, 5.ª do ranking, somou cinco dos seis jogos seguintes para levar a decisão do duelo a uma terceira partida, onde ao sexto jogo conseguiu um importante break, que não mais desperdiçaria.

Parciais finais de 6-7(4), 6-4 e 6-2, em duas horas e 7 minutos, colocam a espanhola na terceira ronda, ela que terá mais um teste de fogo, desta feita com a cazaque Yulia Putintesva (29.ª).

Comentários

Comentários