Gulbis desdramatiza o mau momento: “Estou em paz comigo mesmo”

0

Ernests Gulbis esteve afastado dos courts quase sete meses devido a lesões nos gémeos e no pulso, tendo regressado à competição em fevereiro deste ano. Há mais de um ano, precisamente em Roland Garros, que o letão não sabe o que é vencer um encontro alusivo ao quadro principal de um torneio do circuito, algo que parece não preocupá-lo.

“É desanimador quando olhas para o ranking e vês o teu nome lá para baixo, onde não queres estar, mas não é uma tragédia”, referiu, em declarações reproduzidas no portal tennis.com, após a derrota frente a Marin Cilic (6-3, 6-3 e 6-3) na jornada de hoje do major parisiense.

Em 2014, Ernests Gulbis, atualmente no modesto 230.º posto da lista ATP, foi semifinalista em Paris, ano em que chegou a ser número 10 mundial. Conhecido pelo seu mau temperamento, o letão de 28 anos dá indicações de estar a amadurecer com a idade, e não só.

“A coisa mais importante para um homem ou para uma mulher é encontrar o seu verdadeiro amor e companheira(o) para o resto da vida. O casamento está para lá de qualquer coisa. Estou muito feliz, em paz comigo mesmo”, afirmou Gulbis, que vai casar brevemente.

O letão sublinhou ainda a importância que o ténis tem na sua vida, ele que por diversas vezes durante a carreira admitiu que nem sempre era uma das suas prioridades. “Não estou a jogar para ganhar dinheiro ou popularidade. Sei que o ténis faz com que seja um homem melhor, é algo que me ajuda. Quando isso deixar de acontecer, irei parar”.

Comentários

Comentários