Marta Oliveira não resiste a jogadora mais cotada na estreia em Santarém

0

Depois de Francisca Jorge e Maria João Koehler, chegou a vez de Marta Oliveira entrar em ação no quadro principal do ITF de Santarém, onde foi escalada para o Court 1. A jovem promissora tenista portuguesa tentava dar continuidade à boa série de vitórias obtidas na qualificação, mas o sorteio não lhe foi favorável.

Com a terceira cabeça de série, a russa Valeria Savinykh, pela frente, a jogadora portuguesa de 18 anos não conseguiu seguir em frente, acabando afastada com parciais de 4-6 6-1 6-1 em 1h56.

A derrota em singulares dita o afastamento da prova para Marta Oliveira, ela que em pares já tinha sido derrotada (juntamente com Francisca Jorge) pelas terceiras cabeças de série Mia Nicole Eklund e Camila Giangreco Campiz.

Comentários

Comentários

COMPARTILHAR
Artigo anteriorConfirma-se: del Potro é o próximo adversário de Elias em Lyon
Próximo artigoJoão Sousa: “Não consegui impor o meu jogo”
Gaspar Ribeiro Lança

gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tiebreak. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegou o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC (“raquetecétera”). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, “primeiro estranha-se, depois entranha-se.”