Kevlich, agente de Svitolina: “É bom para nós que Sharapova não jogue em Paris”

Elina Svitolina conquistou este domingo o título de campeã do torneio de Roma, demonstrando uma vez mais a excelente época que está a realizar.

A tenista ucraniana, atual número 1 na “corrida” a Singapura, já levantou quatro troféus em 2017 e pode ter uma palavra a dizer em Roland Garros, o segundo Grand Slam da época que este ano não contará com duas antigas campeãs e crónicas candidatas ao título: Serena Williams e Maria Sharapova.

Ora, para Vsevolod Kevlich, agente de Svitolina, a ausência da russa é uma boa notícia. “Elina mostrou que pode jogar um excelente ténis em terra batida. É uma boa notícia para nós que Sharapova não jogue em Paris”, afirmou, em declarações ao portal ucraniano Gazeta.

Licenciado em Sociologia e Mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação (ISCTE). Privilegiado por viver numa das melhores eras da história da modalidade. Contacto: joaocorreia@raquetc.com