Lembra-se de Laura Robson? Conquistou hoje o maior título da carreira

0

Tempos houve em que Laura Robson estava nas bocas do mundo. Jogava nos maiores palcos, viajava e ganhava fãs por todo o mundo e começava a meter-se entre as melhores jogadoras. Mas o futuro (pelo menos próximo) não quis nada com a britânica, que teve de enfrentar lesões e um longo caminho de volta ao topo. Agora, parece estar finalmente de volta e com o título mais importante da carreira “no bolso”.

Foi preciso atravessar meio mundo (literalmente), mas a jovem britânica de 23 anos — atual número 218 do ranking, mas que há 4 anos foi 27.ª e já sabe o que é chegar à 4.ª ronda de torneios do Grand Slam — venceu o primeiro ITF de 60.000 dólares da carreira. Aconteceu em Kurume, no Japão, frente a uma compatriota, a também jovem Katie Boulter, com os parciais de 6-3 e 6-4.

O torneio nipónico é disputado em carpete, o que comprova a boa decisão de Robson em “saltar” a época de terra batida para investir em resultados e pontos que lhe permitam atacar a segunda parte da temporada para tentar regressar à sua melhor forma.

Com a vitória em Kurume, Laura Robson passa a contar com 3 títulos no currículo: o 10.000 dólares de Sunderland, em 2008; o 25.000 dólares de Landisville, em 2016; e, agora, o torneio de 60.000 dólares disputado em solo japonês.

Quanto a Katie Boulter, a jovem de 20 anos está a atravessar a melhor fase da carreira e vai entrar pela primeira vez no top 280 mundial, contando já com 3 títulos (todos de 10.000 dólares) no currículo.

Comentários

Comentários