Alexander Zverev: “Se conseguisse alcançar metade do que o Djokovic alcançou já ficaria feliz”

0

Vencedor do título em Roma, após bater Novak Djokovic na final em apenas dois sets, Alexander Zverev, o mais recente membro do top-10 mundial, não podia estar mais contente com a conquista. Em declarações feitas ainda em court, o jovem alemão assumiu que nunca pensou estar na posição em que está, deixando ainda elogios ao seu adversário deste domingo

“No início desta semana nunca pensei que pudesse estar aqui na final a levantar este troféu. Receber este troféu do sr. [Rod] Laver é algo muito especial para mim e jogar esta final contra um dos melhores melhores de sempre como tu [dirigindo-se a Novak Djokovic] é uma honra”, disse o tenista de 20 anos.

“Se conseguisse alcançar metade do que o Djokovic alcançou já ficaria feliz. É um excelente jogador, infelizmente não conseguiu vencer esta semana, mas tenho a certeza que serás um favorito a Roland Garros”, apontou.

Comentários

Comentários