Kokkinakis tem uma justificação para a longevidade de Federer

0

Afastado dos courts no último ano e meio devido aos sucessivos problemas físicos que o têm afetado, Thanasi Kokkinakis parece estar finalmente no caminho certo para o regresso à competição, que poderá acontecer já em Roland Garros.

O jovem tenista australiano, que treinou com Roger Federer no Dubai há duas semanas, esteve à conversa com o jornal local, Sports 360º, onde falou sobre essa experiência e revelou qual é para si o segredo do sucesso e longevidade do suíço.

“Para mim o que se destaca é o facto de ele estar sempre a trabalhar no seu jogo, está sempre a trabalhar em aspetos diferentes onde pode melhorar. Tentar pancadas que a maioria dos jogadores nunca consideraria como uma possibilidade. Acho que é isso que o coloca um nível acima dos outros por tanto tempo e o mantém a jogar com 35 anos”, disse o tenista de 21 anos que atualmente nem figura no ranking ATP.

“Tenho apenas 21 anos e ele 35, mas sinto que tenho de gerir o meu corpo da mesma forma como ele o faz. Não posso levá-lo [o corpo] até um certo patamar porque não sei ao certo o que aguentará neste momento” comentou o ex top-70 mundial, afirmando ainda que tentou “retirar o máximo de informação possível” de Roger Federer durante essas sessões de treino.

Comentários

Comentários