Pablo Carreño e a mudança do Estoril para Madrid: “As condições são muito diferentes”

0

Menos de 48 horas depois de ter conquistado o título da 3.ª edição do Millennium Estoril Open, Pablo Carreño Busta regressou à competição ao início da tarde desta terça-feira, perdendo frente a Benoit Paire no seu jogo de estreia em Madrid.

Na conferência de imprensa após o encontro com o tenista francês, o espanhol realçou as condições distintas entre ambos os torneios. “As condições de jogo são muito diferentes aqui, com certeza. Não realizei qualquer treino antes do jogo de hoje e a altitude é algo que realmente faz a diferença em Madrid”, começou por dizer.

Carreño Busta disputou a final do torneio português com a coxa esquerda enfaixada e, na conversa com os jornalistas esta terça-feira, admitiu alguns problemas físicos. “Mais do que cansado da semana passada estou um pouco dorido. Talvez esteja com alguma lesão. Ontem, por exemplo, estive com o médico, não era capaz de treinar”.

O facto de jogar em solo espanhol, perante o seu público, não acrescenta qualquer tipo de pressão ao campeão em título do Millennium Estoril Open. “Não senti pressão acrescida por jogar em casa. Quando se joga neste tipo de torneios existe sempre pressão, mas eu creio que lido muito bem com isso”, frisou.

Comentários

Comentários