Bollettieri afirma que Federer “é um presente de Deus”

0

De passagem por Milão antes de aterrar em Roma onde será o principal orador do III Simpósio da Federação Italiana de Ténis (12 maio, no Foro Italico), Nick Bollettieri, treinador e uma das vozes mais respeitas do universo tenístico, desfez-se em elogios para com Roger Federer e falou também de Fabio Fognini, número 1 italiano.

“Federer é um presente de Deus. Faz tudo da melhor maneira possível não só dentro do court mas também com a sua família. Não posso dizer que é o melhor jogador de todos os tempos, porque o ténis tem mudado muito ao longo dos anos, mas ele é um jogador muito talentoso como alguns outros”, disse o norte-americano de 85 anos em declarações recolhidas pelo site Tennis World, antes de rematar: “O mundo seria melhor se houvesse mais pessoas como o Roger”.

Sobre o italiano Fabio Fognini, responsável pela derrota de João Sousa na primeira ronda do Masters de Madrid e recentemente semifinalista em Miami, Bollettieri reconheceu o talento do antigo top-15 mundial, não deixando de apontar a razão pela qual Fognini não tem resultados mais condizentes com o seu valor. “Fabio tem talento para entrar no top-10, mas não é consistente e é muito louco. Não é um jogador forte mentalmente e é pena”.

Comentários

Comentários