Gastão Elias: “Muito mérito para eles, que mantiveram o nível durante 4 sets”

LISBOA – A decisão da eliminatória entre Portugal e Ucrânia ficou adiada para domingo depois da derrota de Gastão Elias e João Sousa no encontro de pares, mas o tenista natural da Lourinhã mostra-se confiante no triunfo português no derradeiro dia do confronto que vai ganhando forma no CIF – Club Internacional de Foot-Ball.

“Acho que baixámos a intensidade no início do segundo set”, começou por dizer Elias acerca do momento em que o ascendente do encontro sofreu uma “passagem de testemunho” para o lado de Artem Smirnov e Denys Molchanov. O jogador português de 25 anos deixou ainda um elogio aos ucranianos: “Muito mérito para eles, porque mantiveram o nível durante quatro sets.”

Já sobre a jornada de domingo, em que João Sousa “abrirá” a ação frente a Artem Smirnov, Gastão Elias acredita que “com nove sets jogados [cinco no singular de ontem e quatro no par de hoje], acredito que o João vá estar mais fresco do que ele. E acredito que ele vai ganhar.”

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tiebreak. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegou o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."